Category: JORNALISMO INVESTIGATIVO (page 1 of 6)

O Jacaré completa um ano: retenção de celular, taxa do lixo, delações e 16 ações

Governador do Estado, Reinaldo Azambuja, parece que até lê O Jacaré, mas não gosta. Ele já apresentou 16 interpelações na Justiça (Foto: Arquivo)

Nesta terça-feira, 13 de fevereiro, O Jacaré completa um ano no ar. Apesar das limitações, foi um período de construção, com troca de ideias e um dos poucos espaços a acompanhar fatos políticos importantes, mas ignorados pelos meios de comunicação sul-mato-grossense. Leia Mais

Para calar O Jacaré, Reinaldo ingressa com 16 ações e ameaça com “guerra jurídica”

Governador está preocupado com repercussão das matérias e aciona Justiça para inibir críticas à sua gestão (Foto: DivulgaçãoArquivo)

Como parte da estratégia de impedir críticas à administração estadual e a publicação das investigações em curso, o governador Reinaldo Azambuja (PSDB) ingressou com 16 ações na Justiça para calar O Jacaré. Além das interpelações judiciais, o tucano ameaça “guerra jurídica” contra a liberdade de imprensa, um princípio caro à democracia moderna. Leia Mais

Marquinhos repassa 81% do ganho com ICMS a advogado aliado de André e o recontrata sem licitação

Marquinhos e a equipe de transição em novembro do ano passado. Pedrossian Neto (ao lado do prefeito) e Ávalos viraram secretário. Gilberto, na direita e camisa branca, já ficou com 81% dos ganhos conquistados no repasse do ICMS. E a conta da crise fica para o cidadão (Foto: Arquivo/Campo Grande News)

A guerra política vem causando prejuízos para Campo Grande no repasse do ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços). No entanto, nem todo mundo tem motivos para reclamar. Este é o caso do auditor fiscal aposentado e advogado Gilberto Cavalcante, ex-secretário estadual adjunto de Fazenda na gestão de André Puccinelli (PMDB). Leia Mais

Deputada dá calote de R$ 4,5 mi e guerra judicial revela uso da mãe para fazer negócio com a JBS

Deputada e JBS travam batalha na Justiça sobre financiamento feito para instalar confinamento em Terenos

A deputada federal Tereza Cristina Corrêa da Costa Dias (PSB) deu calote de R$ 4,5 milhões na J & F Investimento, dos irmãos Joesley e Wesley Mendonça Batista. A guerra judicial travada entre a parlamentar e a JBS, que revelou um dos maiores esquemas de corrupção no País, mostra que ela fechou negócio com o grupo quando comandava a Secretaria Estadual de Produção e usou a mãe para garantir o faturamento de aproximadamente R$ 1 milhão por ano.

A transação nebulosa foi parar nos tribunais de Campo Grande e o envolve o confinamento montado na Fazenda Santa Eliza, em Terenos, a 23 quilômetros da Capital. Leia Mais

Contratada a “peso de ouro”, empresa atrasa entrega e Marquinhos deixa alunos sem uniforme

Foi só um teatro: em 27 de março, Marquinhos e os vereadores William Maksoud, Carlão e Valdir Gomes fizeram propaganda da entrega dos uniformes, que corre o risco de ser concluída só após as férias de julho (Foto: Arquivo/PMCG)

Contratada a “peso de ouro” e sem licitação, a Reverson Ferraz da Silva – ME, da pequena cidade de Cerquilho, no interior de São Paulo, não conseguiu atender a demanda e atrasou a entrega dos uniformes para os estudantes do ensino fundamental e da EJA (Educação de Jovens e Adultos).

Apesar do teatro realizado há três meses, o prefeito Marquinhos Trad (PSD) não cumpriu a promessa e os alunos devem concluir o primeiro semestre sem o vestuário distribuído gratuitamente pelo município. Leia Mais

Older posts

© 2018 O Jacaré